Quanto dinheiro eu poreciso para começar no day trade
Dúvidas do Trader

Quanto Dinheiro Preciso Começar no Day Trade?

Olá futuro day trader!

Pra saber quanto dinheiro é preciso para começar no day trade, primeiro você precisa entender o processo necessário para se aprender o day trading em si e os custos envolvidos nesta atividade.

Aprender day trade exige treino e estudo.

Investindo no seu Aprendizado

Começando pela parte do estudo, você muito provavelmente vai precisar fazer algum curso ou treinamento com alguém mais experiente e confiável para ter uma boa orientação inicial.

Então, este é um primeiro custo para se começar no day trade, algo em torno de R$300,00 para um curso introdutório.

Ah, mas você pode estar pensando: Não dá pra fazer um curso gratuito?

Sim, dá!

Escrevi um artigo contando os prós e os contras dessa ideia chamado curso gratuito de day trade vale a pena?

Mas, nesta questão do custo de estudos, saiba que apenas um curso introdutório não será suficiente!

Então, entre um curso de day trade para iniciantes e um curso avançado de day trade, é possível que você precise investir algo entre R$3.000 e R$10.000 no seu início de carreira.

Lembrando ainda, que o day trading exige aprendizado contínuo…

A Fase de Treinamento

Para treinar o day trading você vai precisar ter acesso à uma plataforma profissional.

Na plataforma você terá acesso aos dados das negociações em tempo real, gráficos e outras ferramentas necessárias para suas análises do mercado e decisões de compra e venda.

O ideal é que você use um simulador de mercado em tempo real no seu início, sem arriscar dinheiro de verdade enquanto você não tem uma boa base de entendimento do que está fazendo.

Existem algumas corretoras de day trade que oferecem plataformas profissionais com simuladores a um custo muito acessível.

O custo da plataforma, atualmente, varia entre gratuita a R$350,00/mês.

Entrando no Jogo

A partir do ponto que você já estudou e treinou num simulador, chega a hora de entrar no jogo com dinheiro de verdade.

Inicie arriscando o mínimo capital possível, operando em uma conta real com 100 ações ou 1 mini contrato futuro por exemplo, até adquirir uma constante boa taxa de acertos e bom controle das perdas em relação aos ganhos.

Sugerimos que você tenha no mínimo R$ 2.000,00 para este início, como margem, operando 1 mini contrato futuro, por exemplo, com metas de ganho a partir de R$50,00 a R$150,00/dia e um limite de perda equivalente.

Vá aumentando sua posição mantendo sempre esta mesma proporção de R$ 2.000,00 de margem para cada mini contrato operado.

É extremamente importante perceber, desde o início de sua carreira, que você possui total flexibilidade para decidir o quanto vai arriscar em cada trade, isto é, o tamanho de suas posições.

Sendo assim, cada trader deve se utilizar desta “vantagem” e dispor de um capital para o day trade de acordo com sua condição financeira global.

Nunca coloque “no jogo” um dinheiro que pode fazer falta pra você ou que você, sinceramente, não aceite perder no momento.

Escute isso com atenção: a pressão psicológica e o medo de perder prejudica sua performance e faz com que aconteça justamente aquilo que você mais teme: prejuízos desproporcionais que podem te levar a “quebrar”, isto é, perder todo seu capital disponível ao day trade!

O ideal é que você tenha, caso queira se profissionalizar, um capital guardado (em renda fixa, por exemplo) suficiente para cobrir, pelo menos, 1 ano de suas despesas mensais.

Considerações finais

Se ainda não conhece, leia agora os Alertas | DTP – A Verdade Nua e Crua do Day Trade

Agindo assim, de forma criteriosa, podemos até dizer que, se você ficar bom no day trading, o céu é o limite!

Mas, controle sua ansiedade ou impulsividade por aumentar os ganhos antes da hora e, consequentemente, os riscos.

Aprenda o jogo primeiro.

Seja um vencedor com pouco e vá aumentando suas posições mantendo uma boa performance.

Desta forma, de grão em grão, quem sabe você não chega ao seu primeiro milhão?

Grande abraço, juízo e bons trades!