Aprenda Day Trade

IFR – Índice de Força Relativa

O IFR é um acrônimo para “Índice de Força Relativa”, ou, em inglês, Relative Strength Index.

Este índice é um indicador de momentum.

O que ele faz é analisar o tamanho das mudanças recentes no preço para então dizer se o ativo está sobre-comprado ou sobre-vendido.

A escala vai de 0 a 100, onde um valor de 30 ou menos indica uma condição de sobre-venda (geralmente, um sinal para compra) e um valor de 70 ou mais indica uma condição sobre-compra (geralmente,um sinal para venda).

Normalmente é calculado com base em 14 períodos, mas, pode ser alterado conforme vontade do trader.

Cálculo do IFR

Fórmula do cálculo do IFR.

MG = Média simples dos preços de fechamento do ativo quando apresentou ganho.

MP = Média simples dos preços de fechamento do ativo quando apresentou perda.

Gráfico com IFR plotado em roxo.

Acima temos o IFR em roxo.

Sinais do IFR

Observe o seguinte gráfico:

Gráfico com IFR plotado em roxo com sinais.

O trader amador veria os sinais do IFR como no gráfico acima.

Não precisa tomar muito tempo de análise para vermos que caso o trader siga todos os sinais cegamente, não será tão bom negócio.

A análise de contexto é muito importante quando utilizando os indicadores de momentum. 

Note como na segunda compra dupla que aparece, o ativo está em tendência de queda, gerando um falso “aviso” de compra.

Por que o IFR “diz” para comprar, então?

Simples: porque o IFR não diz nada! Lembre-se: ele é um indicador matemático que resulta em um número, este que deve ser compreendido pelo trader. 

Faz parte do seu trabalho com indicadores técnicos:

  1. Ler os números.
  2. Interpretá-los.

Enquanto o trader amador enxerga a segunda compra dupla como uma indicação de compra, o trader veterano enxerga assim:

IFR em momentum de venda.

Então, fica aqui provada a importância de compreender os números dados pelos indicadores técnicos e analisar o contexto.